Tag 50% – 2021

Passamos da metade do ano. Chegou a hora de fazer aquele tradicional balanço das melhores leituras até agora e responder a famosa tag 50%:

1 – O melhor livro que você leu, até agora, em 2020:
Pequena Coreografia do Adeus, da Aline Bei.

2 – A melhor continuação que você leu, até agora, em 2020:
Não estou lendo nenhuma série literária, mas estou curtindo muito duas séries de quadrinhos: Condado Maldito e Death Disco.

3 – Algum lançamento do primeiro semestre que você ainda não leu, mas quer muito:
Tem vários. Um deles é Rastejando Até Belém, clássico da Joan Didion que finalmente saiu no Brasil.

4 – O livro mais aguardado do segundo semestre:
Tô sempre de olho nas novidades da DarkSide e do Pipoca & Nanquim.

5 – O livro que mais te decepcionou esse ano:
Não li nada decepcionante. Tive a sorte de escolher umas leituras bem bacanas.

6 – O livro que mais te surpreendeu esse ano:
A Imensidão Íntima dos Carneiros, do Marcelo Maluf. Estava com ele no Kindle há um bom tempo e só li agora. É emocionante.

7 – Novo autor favorito (que lançou seu primeiro livro nesse semestre, ou que você conheceu recentemente):
Li As Coisas Que Perdemos no Fogo e fiquei impressionado com a força da Mariana Enríquez.

8 – A sua quedinha por personagem fictício mais recente:
Sou muito cringe pra ter quedinha por personagem.

9 – Seu personagem favorito mais recente:
O detetive El Borbah, criado pelo Charles Burns, é impagável.

10 – Um livro que te fez chorar nesse primeiro semestre:
Não cheguei a chorar, mas América Latina Sob Fogo Cruzado tem passagens emocionantes, principalmente os relatos de pessoas que foram separadas de suas famílias durante a Segunda Guerra por serem descendentes de alemães e japoneses.

11 – Um livro que te deixou feliz nesse primeiro semestre:
Conto de Areia. É uma HQ surrealista que transborda energia e criatividade.

12 – Melhor adaptação cinematográfica de um livro que você assistiu até agora, em 2020:
Acho que não assisti muitas adaptações neste primeiro semestre. Mas finalmente vi a clássica animação Planeta Fantástico, de 1973, dirigida por René Laloux. Ela foi inspirada na obra Oms en Série, de Stefan Wul.

13 – Sua resenha favorita desse primeiro semestre (escrita ou em vídeo):
Gosto da resenha de Cherry: Inocência Perdida.

14 – O livro mais bonito que você comprou ou ganhou esse ano:
A edição de Jardim Secreto, que eu recebi recentemente da DarkSide, é lindíssima.

15 – Quais livros você precisa ou quer muito ler até o final do ano?
A pilha de livros que eu quero ler está bem alta… Depois e Love, do Stephen King, Coração das Trevas, do Joseph Conrad, a trilogia Incal, a nova biografia do Bruce Lee que está saindo pela Seoman, a versão romanceada de Era Uma Vez Em Hollywood, do Tarantino, DVD, do Cesar Bravo… A lista é longa!

Quais foram as leituras preferidas de vocês neste primeiro semestre? Contem pra mim nos comentários!


Postado por Lucas Furlan

É formado em Comunicação Social e trabalha com criação de conteúdo para a internet. Toca guitarra e adora música e cinema, mas, antes de tudo, é um leitor apaixonado por livros.

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s