Resenha | ‘A Luz da Lente’: Ana Maria Bahiana entrevista 12 grandes cineastas de Hollywood

Ana Maria Bahiana, nome fundamental do jornalismo cultural brasileiro, relançou em e-book vários de seus livros que estavam há muito tempo fora de catálogo. Entre eles está A Luz da Lente, publicado originalmente em 1995 e que reúne entrevistas com doze cineastas pesos-pesados de Hollywood.

Continuar lendo “Resenha | ‘A Luz da Lente’: Ana Maria Bahiana entrevista 12 grandes cineastas de Hollywood”

Ganhadora do Oscar do ano 2000, adaptação animada de ‘O velho e o mar’ pode ser vista no YouTube

Setembro é o mês de aniversário do livro O velho e o mar. O clássico de Ernest Hemingway foi publicado pela primeira vez no dia 1 de setembro de 1952. Ele é um dos meus livros preferidos (confira a resenha aqui) e eu recomendo que todo mundo leia. Mas a minha dica de hoje é uma adaptação da novela: o curta animado The old man and the sea, que foi dirigido pelo russo Alexander Petrov e está disponível no YouTube com legendas em português.

Continuar lendo “Ganhadora do Oscar do ano 2000, adaptação animada de ‘O velho e o mar’ pode ser vista no YouTube”

Filmes | Produzido e protagonizado por Millie Bobby Brown, “Enola Holmes” é divertido e emocionante

Se você se acostumou com Millie Bobby Brown como a Eleven de Stranger Things, prepare-se para vê-la bem diferente em seu novo filme: Enola Holmes, que estreou na última quarta-feira (23/09) na Netflix. Além de atuar, ela também foi uma das produtoras do longa.

Continuar lendo “Filmes | Produzido e protagonizado por Millie Bobby Brown, “Enola Holmes” é divertido e emocionante”

A vastidão da noite: um filme repleto de referências e criatividade

As inspirações para A vastidão da noite são evidentes: a série Além da imaginação, as ficções científicas de Steven Spielberg (especialmente Contatos imediatos de terceiro grau), a adaptação radiofônica de A guerra dos mundos, apresentada por Orson Welles em 1938, e o caso Roswell (não por acaso a história do filme se passa numa cidadezinha do Novo México). Ainda assim, o longa de estreia de Andrew Patterson tem frescor e compensa seu orçamento modesto com soluções muito criativas.

Continuar lendo “A vastidão da noite: um filme repleto de referências e criatividade”