Resenha | Tropas estelares, de Robert Heinlein

Tropas estelares
Autor: Robert Heinlein
Tradução: Carlos Angelo
Editora: Aleph
Páginas: 368
Onde comprar: Amazon (disponível também no Kindle Unlimited)

Antes de começar a ler Tropas estelares, eu já sabia que o livro era um dos maiores clássicos da ficção científica e que tinha rendido o Prêmio Hugo de 1960 ao seu autor, o norte-americano Robert Heinlein. Eu sabia também que o livro se passa no futuro e que narra uma guerra entre a raça humana e aracnídeos alienígenas.

Por conta desse conflito (e tendo a adaptação cinematográfica de 1997 na cabeça), eu pensava que o livro seria uma grande aventura espacial. Mas não é bem assim.

Continuar lendo “Resenha | Tropas estelares, de Robert Heinlein”

Resenha | O homem invisível, de H. G. Wells

capa O Homem InvisÌ-vel FINALO homem invisível
Autor: H. G. Wells
Tradução: Braulio Tavares
Editora: Alfaguara
Páginas: 210
Compre pela Amazon: amzn.to/2hdrvZH

Uma das coisas mais legais de se ler um livro clássico, é perceber como ele influenciou obras posteriores. Pensei nisso durante a leitura de O homem invisível, publicado em 1897 pelo inglês H. G. Wells.

Não foram poucos os livros e filmes que se utilizaram da ideia de uma descoberta científica ser capaz de revelar o lado mais sombrio de um ser humano. A trama de O homem invisível foi adaptada, por exemplo, para o roteiro do filme O homem sem sombra, do diretor Paul Verhoeven, lançado no ano 2000. Ambos apresentam cientistas que desenvolvem maneiras de ficar invisíveis, mas são incapazes de reverter o processo. Enquanto tentam voltar à condição normal, eles percebem que a invisibilidade pode trazer várias vantagens pessoais, e acabam sendo dominados pela ambição, pelo egoísmo e pela violência.

Continuar lendo “Resenha | O homem invisível, de H. G. Wells”