Resenha | Max e os felinos, de Moacyr Scliar

Max e os felinos
Autor: Moacyr Scliar
Editora: L&PM
Páginas: 150
Onde comprar: Amazon

Se estivesse vivo, Moacyr Scliar completaria hoje, 23 de março, 81 anos de idade. Para lembrar a data de nascimento do escritor gaúcho, a resenha desta sexta é sobre um de seus livros mais conhecidos: Max e os felinos, de 1981. Quase 20 anos depois de ter sido publicada, a novela ficou conhecida internacionalmente: ela foi plagiada pelo escritor canadense Yann Martell em seu premiado livro As aventuras de Pi – sim, aquele mesmo que foi adaptado e se tornou um grande sucesso do cinema.

Continuar lendo “Resenha | Max e os felinos, de Moacyr Scliar”

Resenha | Simples assim, de Martha Medeiros

Simples Assim
Autor: Martha Medeiros
Editora: L&PM
Páginas: 240
Compre pela Amazon: amzn.to/2xo7za0

Oi, gente! Estou aqui de novo, a “colaboradora” do blog, (sim, colaboradora entre aspas, pois é assim que o Lucas Furlan definiu a mim e à irmã dele que tanto damos apoio moral rsrsrs), para falar de um livro que eu simplesmente adorei: Simples Assim, de Martha Medeiros, que reúne crônicas do dia a dia da autora. São histórias do cotidiano que, na linguagem dela, parecem ser as coisas mais simples que acontecem na vida de alguém. E são, a gente é que complica tudo.

Continuar lendo “Resenha | Simples assim, de Martha Medeiros”

Resenha | O mandarim, de Eça de Queiroz

O mandarim
Autor: Eça de Queiroz
Editora: L&PM Pocket
Páginas: 96
Compre pela Amazon: amzn.to/2wJUZ7n

O crime do Padre Amaro, O primo Basílio, Os Maias. Esses foram alguns dos livros que fizeram com que José Maria Eça de Queiroz (1845-1900) se destacasse como o principal nome do Realismo português, sendo considerado um dos maiores escritores nascidos em Portugal de todos os tempos. Na resenha de hoje, porém, não vou falar de nenhuma dessas obras, mas sim de O mandarim. Neste curto livro, que foi publicado em 1880, Eça se afastou da estética Realista/Naturalista e se aproximou da literatura fantástica típica do Romantismo, sem abrir mão da crítica social que caracterizou seus trabalhos mais famosos.

Continuar lendo “Resenha | O mandarim, de Eça de Queiroz”

Resenha | O mistério de Marie Rogêt, de Edgar Allan Poe

O-escaravelho-de-ouro.jpgO mistério de Marie Rogêt (presente em O escaravelho de ouro e outras histórias)
Autor: Edgar Allan Poe
Tradução: Bianca Pasqualini
Editora: L&PM (Coleção L&PM Pocket)
Páginas: 52 (conto) e 240 (livro)
Compre pela Amazon: amzn.to/2w7Pvzi

Como prometido, hoje é dia de resenhar O mistério de Marie Rogêt, de Edgar Allan Poe. O conto, publicado originalmente em 1842, marca a segunda aparição de C. Auguste Dupin e é considerada a primeira narrativa policial inspirada num crime real.

Continuar lendo “Resenha | O mistério de Marie Rogêt, de Edgar Allan Poe”