Resenha | O mundo é dominado por extremistas religiosos na distopia brasileira “E se as cartas falassem?”

A introdução de E se as cartas falassem?, escrito por Mayron Damasceno e Johnatan Gomes, dá a falsa impressão de que o livro vai contar uma história distante da nossa realidade. Afinal, ficamos sabendo que uma sociedade secreta tomou o poder em praticamente todos os países do mundo — inclusive no Brasil —, depois de se infiltrar no Vaticano e executar um bem sucedido ataque à ONU.

Esse início, a meu ver, é o ponto mais questionável do livro, por ser exagerado e conspiratório demais. Porém, mais importante é o que acontece após o surgimento dessa liderança, batizada como Nova Ordem: percebemos o quanto E se as cartas falassem? trata de temas que são preocupantes, em diferentes escalas, já nos nossos dias atuais.

Dogmas religiosos impostos como leis. Desigualdade social explícita. Muros gigantescos separando ricos e pobres. Escassez de água. Trabalhadores substituídos por máquinas.

Os autores: Johnatan Gomes (à esq.) e Mayron Damasceno. (Fotos: Instagram)

A história se passa em São Paulo, em três dias do ano 2050. Ela é dividida sob dois pontos de vista que se alternam, capítulo a capítulo, ao longo do livro. Uma narração em terceira pessoa acompanha João Moretto, um homem pobre que vive na parte miserável da cidade; simultaneamente, lemos uma carta na qual um personagem misterioso e rico expõe suas reflexões. Em comum, ambos trabalham na mega corporação ProVida (que produz pílulas inibidoras de desejo sexual) e se revelam insatisfeitos com as regras cruéis da Nova Ordem.

Seria possível enfrentar um governo tão poderoso e com um domínio tão vasto?

Lançado de forma independente, e com o eBook disponível no Kindle Unlimited, E se as cartas falassem? não é um romance de aventura ou ação. Trata-se de uma distopia reflexiva e bem descritiva, que aborda temas como opressão, resistência, solidariedade e empatia. O final do livro deixa margens para possíveis sequências.

Mayron Damasceno e Johnatan Gomes são autores com potencial e que têm o que dizer. E o que eles dizem é muito importante.

(Sem falar que a sacada de imprimir os pôsteres que aparecem no livro foi brilhante.)


E SE AS CARTAS FALASSEM?
Autores:
Mayron Damasceno e Johnatan Gomes
Páginas: 310
Onde comprar: Amazon

*eBook enviado como cortesia pelos autores.


Postado por Lucas Furlan

É formado em Comunicação Social e trabalha com criação de conteúdo para a internet. Toca guitarra e adora música e cinema, mas, antes de tudo, é um leitor apaixonado por livros.

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s